Polícia

Caseiro suspeito de estuprar e matar jovem em Arembepe é preso em Sergipe

O crime ocorreu em março deste ano. Após investigações e uma denúncia, a policia chegou até o acusado que se encontrava em um povoado de Tobias Barreto na casa de parentes.

Ele foi encaminhado até a delegacia e lá confessou que havia dado pauladas na jovem, mas com relação ao crime de estupro, Nenêm negou o crime. De acordo com o delegado responsável pela prisão, Jorge Eduardo, o crime mobilizou a opinião pública da cidade de Arembepe. “O que chocou foi a maneira como a garota foi morta, através de toras de madeira, ela teve seu rosto desfigurado e os dentes quebrados”, informa o delegado.

Francarla Bispo Ribeiro foi para uma festa na cidade de Arembepe e ficou instalada na casa de sua prima. Neste ambiente havia muitos jovens, incluindo Adeilson Ferreira, o “Neném”. Ele foi contratado como caseiro e assim que conheceu Francarla começou a demonstrar interesse pela jovem. Ao chegar da festa, o grupo de jovens ficou conversando à beira da piscina, quando Francisca decidiu dormir, pedindo para sua prima acompanhá-la até a casa onde descansaria.

Foi neste momento que Adeilson chegou até a vítima, quebrou a fechadura do portão com um pedaço de madeira e entrou no quarto da garota. Parentes perceberam a movimentação no quarto da moça, mas quando chegaram lá era tarde. Encontraram Francarla nua, com o rosto completamente desfigurado e os dentes quebrados.

Informações do Sn1

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo