Polícia

Santo Amaro: Comerciantes são presas por aplicar golpes contra aposentados

Bárbara Eliana Sena dos Santos, 45 anos, Amélia Rosa dos Santos, 55, e Caroline Santana de Castro, 36, atuavam na cidade, segundo a Polícia Civil, há um ano.

As comerciantes tornaram-se sócias numa empresa financeira e passaram a contrair empréstimos em nome de aposentados, aos quais não repassavam o dinheiro.

Ao procurarem as duas lojas da financeira, instaladas no centro de Santo Amaro, para embolsarem os empréstimos, os aposentados decepcionavam-se ao serem informados que o dinheiro não havia sido liberado.

Em seguida, conforme informado pela assessoria da Polícia Civil, os aposentados constatavam nos seus contracheques os descontos dos valores solicitados.  As estelionatárias lucravam em torno de R$ 4 mil com cada golpe aplicado.

Veraneio

Amélia, Bárbara e Caroline foram denunciadas na Delegacia Territorial de Santo Amaro (DT) por aposentados lesados, tendo o delegado titular José Antônio Costa Teixeira solicitado, à Justiça, mandados de busca e apreensão.

Nas duas lojas das acusadas, os policiais apreenderam computadores e vários documentos em nome de terceiros. Elas também tiveram as prisões preventivas decretadas pelo juiz Alberto Fernando Sales de Jesus.

“Somente dos três últimos empréstimos obtidos através da empresa financeira, as estelionatárias desviaram mais de R$ 11 mil”, informou o delegado, que as mantém custodiadas à disposição da Justiça na carceragem da 3ª Coorpin, em Santo Amaro.

A polícia apurou que com o dinheiro obtido nos diversos golpes aplicados elas conseguiram comprar casas de veraneio na localidade de Cabuçu, às margens da Baía de Todos os Santos. Informações e foto do Correio.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo