História

Riachão: Sepultado corpo do mecânico Pé de Serra, vítima de acidente na 101

No domingo, por volta das 8 horas, os corpos foram levados para serem sepultados. Luiz Gonzaga (Pé de Serra), foi sepultado no cemitério de Riachão do Jacuipe, e Edvaldo Mascarenhas (Gordo da Sucam) em Capela do Alto Alegre, a sua terra natal.

Embora fosse filho do municipio de Pé de Serra (por isso assim era conhecido pela população jacuipense), Luiz Gonzaga Matos Filho foi sepultado no cemitério de Riachão, onde ele constituiu família e teve filhos e netos. Na cidade, também foi mecânico durante muitos anos, com oficina no bairro da Bela Vista.

A despedida de Pé de Serra foi marcada com a presença de familiares, parentes e amigos. No instante em que o corpo desceu à sepultura, uma de suas filhas ficou bastante emocionada e pediu para ver o corpo do pai pela última vez. Também nesse instante uma irmã proferiu rápidas palavras, agradecendo a presença das pessoas.

“Nós estamos tristes pela partida do nosso irmão, mas queria dizer que ele foi uma pessoa boa e amiga e por isso agradecemos a presença de vocês todos aqui”, disse a irmã.

Por fim, o comerciante José Rubenilson pediu uma salva de palmas para homenagear Pé de Serra, no que foi seguido por todos os presentes. 

Por Evandro Matos

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo