CotidianoDestaqueMeio Ambiente

Ano Letivo 2024 de Petrolina será focado no Bioma Caatinga

Profissionais da rede de ensino de Petrolina participaram, na noite desta quinta-feira (3), da abertura do Ano Letivo de 2024. O tema deste ano é “Saberes e Vozes Daqui: A Educação no Contexto da Caatinga”. O evento foi realizado de forma online, transmitido pelo canal da Escola do Saber no YouTube, e contou com apresentações culturais, palestra do pedagogo e doutor em Educação pela Universidade Federal da Bahia, Edmerson dos Santos Reis, e com a socialização do exemplo de garra e determinação de Maria Edelzuíta de Souza, considerada a estudante pernambucana mais idosa do mundo.

Diante de uma plateia virtual formada por aqueles que fazem a diferença na vida dos estudantes de Petrolina, a equipe da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes (SEDUCE) deu as boas-vindas à comunidade escolar e apresentou de forma dinâmica o projeto pedagógico que irá permear as práticas nas unidades educacionais. Este ano, a rica biodiversidade natural da caatinga, que faz parte do cotidiano de quem vive no semiárido nordestino, será trabalhado durante todas as ações do ano letivo, nas mais de 220 unidades de ensino.

O projeto será um marco na história do município, pois ensinará de forma dinâmica e criativa aos mais de 57 mil estudantes, os valores culturais, sociais e ambientais sobre o tema proposto, mostrando na prática os elementos da caatinga, a importância de preservação da fauna e da flora, além de despertar a curiosidade dos alunos acerca do assunto e resgatar o orgulho de ser catingueiro. Para a professora da Escola Municipal José Joaquim, Aurilene Maria dos Santos, é fundamental uma vivência pedagógica de valorização do meio ambiente e da cultura local para a formação de novas gerações de cidadãos críticos e politizados.

Será um projeto fantástico, pois despertará no aluno a sua percepção sobre a importância de ações e atitudes para o consumo consciente dos recursos naturais existentes no nosso bioma, a sua conservação e preservação, o uso sustentável e racional do meio ambiente. Trazer esse tema é importante para a escola, pois irá promover concepções pedagógicas diferentes e que se complementam e contribuem para ações socioambientais“, destacou a professora.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo