DestaqueHistória

Chrystian deixou fortuna milionária; saiba quem são os seus herdeiros

Cantor morreu na quarta-feira (19), de choque séptico em decorrência de pneumonia agravada por comorbidades/ Foto: Reprodução / Instagram

O cantor Chrystian, que morreu na última quarta-feira (19), estava com a agenda de shows cheia, apesar doença. No mês de maio, por exemplo, ele fez pelo menos oito apresentações Brasil afora, em cidades como Eldorado (MS), Maringá (PR) e Rio Quente (GO).

Em Berilo, pequena cidade de pouco mais de 12 mil habitantes no interior de Minas Gerais, o sertanejo fez um show em uma praça pública por um cachê de R$ 145 mil reais. A informação está no Diário Oficial da cidade.

Não há um valor preciso do patrimônio deixado por Chrystian. Segundo o Correio Braziliense, que por sua vez cita o site Metropole Roleplay, ele teria uma fortuna avaliada em cerca de R$ 60 milhões. Partindo do cachê cobrado pelo cantor em Berilo, caso tenha sido o mesmo nos outros shows, em maio ele embolsou cerca de R$ 1,16 milhão.

Quem são os herdeiros de Chrystian?

O sertanejo, que se projetou nacionalmente na dupla com o irmão, Ralf, teve dois filhos: João Pedro e Lia. Os jovens são os herdeiros diretos do artista, que também era casado há 29 anos com a influenciadora Key Vieira. Não há informações sobre o testamento do cantor.

Qual foi a causa da morte de Chrystian?

Chrystian morreu de choque séptico em decorrência de pneumonia agravada por comorbidades. As informações foram confirmadas pelo Hospital Samaritano Higienópolis, em São Paulo. O artista chegou a ser internado, na noite desta quarta-feira, na unidade hospitalar, após passar mal.

Quem foi Chrystian?

Chrystian ficou famoso pela dupla sertaneja formada com o irmão, Ralf. A dupla Chrystian & Ralf iniciou a carreira em 1983 e se apresentou até o ano 2000. Após um ano sem atividades, voltaram a trabalhar juntos em 200, anunciando a separação definitiva em 2021. Juntos, venderam mais de 15 milhões de cópias de seus álbuns, acumularam milhões de views no YouTube e uma coleção de discos de ouro e platina.

Como Chrystian descobriu a doença?

Em entrevista ao programa Domingo Espetacular, da TV Record, no mês de maio, o cantor relatou ter descoberto a doença após notar uma “bola” durante exercícios abdominais: “Eu tava fazendo abdominal e falava com o personal, ‘preciso perder essa barriguinha’. Aí a gente fazendo abdominal um dia, parei descansando e vi uma bola enorme na minha barriga. Fui fazer exames, descobri que tinha um rim policístico, que estava com 11% funcionando”.

Durante os exames pré-operatórios, o cantor realizou um cateterismo e também descobriu um mau funcionamento de duas veias. Devido ao uso de medicamentos que afinam o sangue, teve que remarcar o transplante, que aconteceria, a princípio, no mês de março.

Na época, o cantor anunciou que estava internado no hospital HRIM (Hospital do Rim, da Fundação Oswaldo Ramos) e que seria operado em 11 de março. Depois, divulgou a necessidade de adiar a cirurgia por ter sido submetido a um cateterismo que demandaria uma medicação para afinar o sangue por seis meses, o que inviabilizou a realização da intervenção.

Ele chegou a publicar um comunicado nas redes sociais, afirmou que o transplante seria transferido para uma data mais próxima do fim do ano e recebeu apoio de seguidores e amigos.

Por que Chrystian estava internado?

O artista estava internado em um hospital de São Paulo após ser diagnosticado “com uma condição médica que exigia repouso imediato e tratamento especializado”, segundo a assessoria de imprensa.

Em nota sobre o falecimento do artista, a família afirma que “sua voz inconfundível e sua paixão pela música trouxeram alegria e emoção aos fãs em todo o Brasil”, lembrando que ele “dedicou 60 anos de sua vida à música sertaneja, construindo uma carreira brilhante e marcada por inúmeros sucessos”.

(Por O Globo — Rio de Janeiro)

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo