Economia

Saidinha bancária: Proibido uso de celular em agências da capital baiana

Isto porque, conforme publicado no Diário Oficial do Município (DOM), estes devem cumprir a Lei 7.850/2010 que proíbe o uso de aparelhos de comunicação, como celular, rádio, ou outras formas de comunicação dentro das instituições financeiras. 

A decisão visa ampliar o combate à um crime que vem ocorrendo com freqüência em Salvador, que é a saidinha bancária, na qual os bandidos abordam suas vítimas após o saque nos terminais bancários.

A regra vale não somente para os clientes, mas para todos que estiverem dentro das agências, incluindo os funcionários. No caso de descumprimento da medida, a agência deverá pagar uma multa no valor de R$ 51 mil, o equivalente a 100 salários mínimos do piso atual.

A multa será reaplicada no caso de reincidência da infração e caso haja uma terceira ocorrência a agência perderá o alvará de funcionamento. O prazo para a regulamentação da lei é de 90 dias.

Com informações da Tribuna online

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo