Polícia

Agência do Bradesco é assaltada em Jaguaquara

Em entrevista a rádio local presidente do Sindicato dos Bancários de Jequié e região, Celso Argolo, achou estranho o posicionamento do Banco, disse que a instituição financeira é “negligente com seus funcionários” disse.

E ainda acrescentou: A lentidão do registro atrasou o trabalho de investigação da própria Polícia Civil. O caso já foi encaminhado a Polícia Federal que também participará das investigações.

De acordo com informações obtidas junto ao sindicalista “o carro forte da empresa Nordeste Segurança, esteve em Jaguaquara momentos depois do crime, e não pode fornecer o novo armamento para a segurança da agência porque não contava o registro policial”.

 “Os bancários são desprotegidos, precisamos valorizar e preservar esses  profissionais”, finalizou.

Por Ramon Gusmão

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo