Polícia

Justiça decreta prisão de suspeitos da rede de pedofilia em Tanhaçu

Fazendo uma retrospectiva, em Tanhaçu, município de pouco mais de 20 mil habitantes, uma barbárie foi realizada por um grupo de 20 amigos, onde pelo menos 40 meninas – entre 12 e 14 anos – podem ter sido estupradas.

Todo o caso gira em torno de uma aposta absurda, onde a tarefa seria tirar a virgindade de um maior número possível de meninas.

Segundo informações passadas com exclusividade a equipe de jornalismo online do AcheiBrumado pela delegada responsável pelo caso, Ana Paula Ribeiro, a polícia de Tanhaçu, determinou a prisão de dois suspeitos, a justiça acatou o pedido e a equipe policial já está em busca dos foragidos.

No entanto, cumprindo o mandado de busca nas residências, os acusados Luiz Fernando Moreira Pereira “vulgo Dinho” e o seu irmão André Moreira Pereira não estavam, a suspeita é que tenham fugido da cidade.

A delegada acredita que eles deverão se apresentar nos próximos dias, e os mesmos já tem determinada a prisão temporária de 30 dias podendo ser prorrogada por mais 30. “Optamos inicialmente pela prisão preventiva, porém o magistrado achou que seria prematura e assim apresentamos um pedido de prisão temporária que foi acatada pelo judiciário”. Afirma.

Informações do Achei Brumado

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo