Polícia

Teixeira de Freitas: Professor da UNEB é preso por pedofilia em Minas Gerais

Ele estava em casa com seis adolescentes, que confessaram manter relação sexual com o educador em troca de dinheiro.

Jeová Brito é professor contratado do Campus-X da Universidade Estadual da Bahia (UNEB), em Teixeira de Freitas e também dava aulas na Escola Estadual Antônio Batista da Mota, em Nanuque-MG.

Policiais militares, durante rondas de rotina nas ruas de Nanuque por volta de meia noite de quarta-feira (22), desconfiaram e abordaram quatro adolescentes, quando um deles confessou os motivos da presença do grupo no local e ainda apontou a presença de outros adolescentes na casa do professor.

Quando entraram na casa, os PMs flagraram o professor mantendo relação sexual com um adolescente, além de encontrar outros dois jovens na residência. Os jovens confessaram aos militares que recebiam dinheiro para fazer sexo com o suspeito. Os pagamentos variariam entre R$ 20 e R$ 100.

“Um dos adolescentes, que tem 14 anos, confessou que mantém relações desde os 13 anos com o suspeito e que sempre vai à casa dele para usar o computador”, relata um outro trecho da ocorrência policial. O Conselho Tutelar de Nanuque-MG., já entrou no caso.

Segundo o delegado responsável pelo inquérito, Luis Henrique foi preso em flagrante e levado para o presídio regional de Nanuque. Ele foi autuado por estupro de vulnerável e corrupção de menores. O delegado afirmou ainda que “todos os adolescentes encontrados na casa do professor são carentes”.

Segundo informações obtidas com exclusividade pelo Teixeira News, o professor Jeová Brito de Sampaio era uma pessoa que gozava de bom relacionamento entre dissentes e docentes do Campus-X da UNEB, mas alguns desconfiavam de seu comportamento em relação aos rapazes mais jovens. Até o momento a Reitoria da Universidade em Teixeira de Freitas não se manifestou sobre o caso. Informações e foto do Teixeira News.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo