DestaqueNordeste

Cometa raro cruzou o céu do Brasil neste sábado e foi visível no Nordeste

Equipamentos como lunetas e binóculos podem auxiliar na busca pelo astro/ Foto: Olimpíada Latino-Americana de Astronomia e Astronáutica

Moradores do Norte e do Nordeste brasileiro poderão ver um brilho raro no céu na noite deste sábado (6), quando o cometa 13P/Olbers cruzará o céu brasileiro atingindo seu brilho máximo. O fenômeno só ocorre a cada 69 anos.

Nas duas regiões, o rastro do cometa ficará visível com maior facilidade, contudo, no restante do país, a população poderá enxergá-lo em áreas com pouca poluição luminosa e com o uso de telescópios ou binóculos.

O astro é classificado na categoria “Halley” e tem em sua composição gelo seco, água, rocha e outros elementos congelados. A estimativa é de que ele tenha se formado há cerca de 4,5 bilhões de anos, mas só foi descoberto em 1815 por Heinrich Wilhelm Matthias Olbers.

Ao longo deste ano, além do 13P/Olbers, será possível enxergar ainda o C/2023 A3, no próximo dia 27 de setembro. Já em 29 de novembro, cruza o céu o 333P/LINEAR.

(Fonte: Diário do Nordeste)

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo