Economia

Agrovale vai investir R$ 91 milhões para aumentar produção de álcool na Bahia

A capacidade de destilação de álcool anidro diária vai passar de 400 mil para 700 mil litros, com investimentos em automação e inovação dos processos.

O anúncio foi feito esta semana pelo diretor da Agrovale, Gilberto Farias, durante audiência com o secretário da Indústria, Comércio e Mineração, James Correia.

“Energia é prioridade para o governo da Bahia. Estamos trabalhando fortemente no segmento das fontes renováveis e de tecnologia limpa, como a eólica, e esse anúncio da Agrovale muito nos anima. Ela é uma das maiores empregadoras privadas da Bahia, com 4.360 empregos, e responsável pela produção de 82% do açúcar e 80% do álcool do estado, com 100% de cana-de-açúcar irrigada”, disse Correia.

Segundo Farias, a Agrovale sempre se destacou pela inovação. “Quando iniciamos nosso projeto, em 1971, buscamos a melhor tecnologia, na época, para o plantio da cana-de-açúcar em solos argilosos. Através da irrigação por sulco de infiltração, implantamos 15 mil hectares de cana. Com o passar do tempo, buscamos tecnologias mais modernas e hoje irrigamos por gotejamento subterrâneo, o mesmo método usado nos desertos de Israel”.

Atualmente a nova técnica irriga 2.500 hectares dos atuais 16.200 de cana da Agrovale. Essa tecnologia é a mais moderna do mundo, consome 50% do volume de água da irrigação por sulco, além de elevar a produtividade agrícola em 30%.

Isso fez com que a empresa saísse de 92 para 120 toneladas por hectare e ampliasse o ciclo de plantação de sete para 12 cortes anuais com um só plantio.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo