DestaqueRiachão & Região

Figura muito conhecida na região, ‘Boinho Cabaceiras’ morre no Clériston Andrade

Morreu na madrugada deste sábado (06/07), aos 70 anos, o senhor João Emiliano Santana Dias, conhecido por Bolinho Cabaceiras, no Hospital Clériston Andrade, Feira de Santana, onde estava internado.

Boinho Cabaceiras, como era conhecido em toda a região, sofreu um grave acidente de moto em Riachão do Jacuípe dias atrás e estava internado em estado grave no Hospital Clériston Andrade.

O velório acontece na residência da família, no povoado de Descanso, município de Serra Preta. O sepultamento está marcado para este domingo (07), às 10h, no Cemitério da sede da cidade de Serra Preta.

Boinho deixa a esposa Rosa e mais três filhos e alguns netos. Dos filhos, dois residem em São Paulo e vieram para as despedidas do pai, e o outro mora no Descanso, Serra Preta.

A família informa aos interessados que haverá transporte para o sepultamento, saindo às 07h30 deste domingo, em frente à Igreja Matriz de Riachão do Jacuípe, e no Posto Shell, bairro da Bela Vista.

Quem era Boinho

Figura bastante conhecida na região, Boinho Cabaceiras circulava frequentemente pelos municípios de Serra Preta, Anguera, Feira de Santana, Riachão do Jacuipe, Ipirá, Nova Fátima, Pé de Serra e Capela do Alto Alegre. Apreciador da cultura popular, ele gostava das rezas, samba de roda, futebol, política e festas de vaqueiro.

Durante muito tempo Boinho atuou voluntariamente como informante e até com algumas participações na resenha esportiva da Rádio Jacuípe. Ouvinte assíduo da emissora, nessas andanças ele chegou a acompanhar a equipe em algumas transmissões esportivas.

Querido por onde passava, Boinho deixou muitos amigos na região. É conhecido por Boinho Cabaceiras por ter nascido no povoado de Cabaceiras, em Serra Preta, apesar de que estava residindo no Povoado do Descanso há muitos anos.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo