Polícia

Filhos são suspeitos de matar pai de 104 anos queimado em Entre Rios

Segundo funcionários do Hospital Municipal Edgar Santos, em Entre Rios, a 134 km de Salvador, onde o idoso foi atendido pela primeira vez, ele informou que estava queimando roupas quando o fogo o atingiu.

A equipe médica desconfiou da versão e suspeitou que os dois filhos do idoso, que eram alcoólatras, poderiam ter ateado fogo no corpo do pai, já que eles teriam desaparecido após a internação.

O idoso havia sido transferido na manhã de quinta-feira para o setor de queimados do Hospital Geral do Estado, na capital baiana, mas não resistiu aos ferimentos. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Salvador e só poderá ser liberado por um parente.

Até por volta de meio-dia, não havia registro de ocorrência na delegacia de Entre Rios, mas a polícia informou que investigará a circunstância do acidente.

Informações do Portal Terra

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo